sábado, 5 de fevereiro de 2011

Carta!










Sábado, 05 de fevereiro de 2011, dia de mais uma postagem do ANTENADO.

Nesse momento estou eu em algum lugar desse país, só que dessa vez voltando para casa ='(.
E para não perder o costume, nada melhor do que expressar meus sentimentos em uma 'carta', só que dessa vez para qualquer um que queira ver.

--------------------------------------------------------------------------------

Oii amiga, é né o dia que agente não queria que chegasse chegou, mas pior que isso é inevitável né, o que nos resta é aceitar e pensar no quanto tudo valeu a pena.
Essas foram as melhores férias que já tive, só de estar com pessoas tão especiais como você.
Eu só espero que agente continue com a nossa amizade até sempre. Acho que por isso que eu tenho tanto receio ás vezes de me apegar as pessoas, pelo fato de que essa pessoa um dia possa rejeitar ou simplesmente se esquecer.
Mas nossa amizade já mostrou que a distância e o tempo são apenas obstáculos que temos no caminho.
Sei que muitas vezes as pessoas dizem que você parece muito 'durona' e que não demonstra tanto os seus sentimentos, mas você é bem mais que isso, só as pessoas prestarem atenção nos detalhes que verão o que eu vejo, você é transparente aos meus olhos, conheço bem você para perceber os sentimentos sinceros que tem, sentimentos esses que me fizeram se aproximar de você, e te ter como Minha Melhor Amiga até hoje.
Desculpa qualquer coisa viu, e obrigada por tudo, por me deixar fazer parte da sua história.
Como sempre já to chorando a bessa, fazer o que né, coisas da vida =/
NÃO queria ir embora, mas deixei pessoas que precisam de mim também para continuarem a história.
ODEIO despedidas, mas temos que enfrentar isso né.
Não vou dizer ADEUS, prefiro dizer , Xau Até Logo.

Um pedaço do meu coração fica aqui com você, uma das partes mais sinceras dele.



Você é Especial!


Única!

Forever!

I Love Ever!





For The Best : La Cereza


P.S : - Nathy: Amiga, vou sentir tanta sua falta, das suas traumatizações, kkkkk, de tudo, você é especial demais pra mim Galega, uma das únicas galegas que eu gosto,kkkkkk' sz

- David: Adorei conhecer o grande amor da minha Amiga, cuida dela viu, aa, e quando ver o LUIGI fala que eu mandei um xero no Bigodín o--O kkkkkk' Até a próxima !

- Salete: Amei te ver lindona, que pena que não deu pra gente aproveitar melhor o tempo, mas só de te conhecer já valeu muito ;D

- Núbia; amei teu jeito de ser, espero que nos vejamos logo.

- Pee: Foi muito bom te conhecer.

- Que pena que não deu para conhecer os outros 7cos, Bob e Patrícia , tudo de bom para vocês viu, a até a próxima!

É isso pessoal, tentei passar o que tava querendo dizer a alguns amigos, valeu pela oportunidade!



Até a próxima :**



sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Monólogos



Correr cansa.
Principalmente quando já faz 3 anos que não se pratica atividades físicas regularmente.
As pernas dóem e o peito arde antes do que você espera. Você se observa e pensa:
- Caramba, já passou muito tempo.
É. 3 anos é muito tempo. Principalmente quando se faz o que não se gosta. Pergunte aos detentos.
O corpo magro é praticamente o mesmo. Menos a barriga. Esta se desenvolveu. O que não significa desenvolvimento.
- Que merda.

Correr cansa.
Principalmente quando se corre ininterruptamente durante 3 anos. Corrida com obstáculos.
A cabeça dói. E o coração também. Mesmo aos racionais. Você se observa e pensa:
- Caramba, já passou muito tempo.
É. 3 anos é muito tempo. Principalmente quando você não pára de correr. Por causa da acomodação.
O cansaço depende da corrida. Correr atrás de um sonho deve ser revigorante. Mas correr de um pesadelo é apavorante.
- Que merda.

Correr cansa.
Principalmente quando se corre das obrigações. Faz 3 anos que essa perseguição não para.
Cansa a alma. Machuca o ego. Principalmente para um espírito fraco. Você se observa e pensa:
- Caramba, já passou muito tempo.
É. 3 anos é muito tempo. Principalmente quando a fadiga é constante.
Parar de correr tem significados diferentes para corpo e alma. Um atrofia e outro se dissipa. E eu estou cansado de corpo e alma.
- Que merda.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Drogas. O problema vai muito além.


Nunca na história desse país se falou tanto em drogas como atualmente. De fato, o uso das drogas tem tomado proporções assustadoras. No entanto, quando debatido, o assunto é sempre tratado como caso de polícia ou de saúde pública. É notório que no decorrer dos anos o “olhar” da sociedade diante das drogas mudou. Antes, na década de 60, o consumo das drogas era ligado apenas ao ato de experimentar; hoje, as drogas são consumidas. Isso faz toda a diferença, pois nem sempre quem experimenta se torna consumidor. Assim, os “jovens rebeldes” daquela época eram totalmente diferentes dos usuários de crack de hoje. Cabe ressaltar que todas as classes sociais estão envolvidas nesse cenário.

Sempre que a questão é debatida na TV, na internet ou até em rodas de amigos, a comunicação é travada e uma solução para o problema é cada vez mais difícil de ser encontrada. Na verdade, acho que o tema é extremamente amplo para ser reduzido à apenas dois fatores: ou é caso de saúde, em relação aos dependentes químicos ou é caso de segurança pública, no caso do tráfico de drogas. O discurso sempre gira em torno de dois pontos: proibir ou legalizar. Acredito que a realidade em que vivemos vai muito além.

Prova disso é o consumo das drogas lícitas, que também atinge dimensões assustadoras. Conheço pessoas que tomam antidepressivos, ansiolíticos e estimulantes sem a menor preocupação, receitados de maneira irresponsável por médicos das mais variadas especialidades. É cada vez mais comum ouvir alguém dizer que vai tomar um “rivotril” para relaxar.

Vejo nisso uma busca desenfreada da felicidade. São drogas para dormir, para ficar calmo, para ficar ligado, para perder o apetite e até para aprimorar o desempenho sexual. As pessoas não se permitem mais VIVER. Já que viver, inevitavelmente, inclui tristezas, frustrações, ansiedade e, também, alegrias. Querem controlar tudo, até os próprios sentimentos. Acreditam, erroneamente, que é mais fácil simplesmente não sentir.

Se estão tristes ou ansiosas, é mais fácil tomar um ansiolítico em vez de pensar e tentar solucionar o problema. Se engordam, tomam um remedinho, que sem dúvida, é mais prático do que fazer exercícios e controlar a alimentação. Se estão sem apetite sexual compram um estimulante, pois é mais rápido do que sentar com o parceiro (a) para discutir a relação e descobrir a causa do problema.

O fato é que algumas drogas são vendidas como problema e outras como solução. Mas, afinal, quais drogas causam mais estragos em nossa sociedade? Quem está se prejudicando mais: um viciado em maconha ou um viciado em ansiolíticos? Pergunta difícil de responder. Por isso, acho que essa discussão deve ser mais profunda, menos moralista e hipócrita. Deve ser analisado o que leva os indivíduos a usarem drogas. Não basta reprimi-la ou extingui-la. Não é tão simples assim.

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Só BOASIDÉIAS!



Salve REPENTISTAS tudo firme poraí?
Aí vai uma pequena homenagem a Talita,aniversariante da semana passada! Sem mais ...

Um ano a mais na idade
Aniversário novamente
Parece que foi ontem,bolo,balão,casa cheia,pedido em frente a vela que clareia a cara sorridente
Eterna menina do papai,grandona pro MUNDÃO,pequenina maior de idade solta na selva
Bus,faculdade,esforço,correria,rasga o pulso
Dá uns PULO a mais no coração quando passa
Mãos,saudação.definida em uma palavra que lembra perfeição
Comemora mais um verão
Parabéns garota,tudo de bom,FELICIDADES MIL,ENFIM
Que o mestre te abençoe por ONDE FOR.!




Já que estamos falando de GAROTAS especiais
Deixa eu falar da minha GAROTA!


A minha mina que me faz gastar um bloco de nota a procura do verso mais fóda
Desses que não saem de qualquer caneta
Coração VAGABUNDO rabiscando a arte perfeita
Talento que vem dela pra mim
Poesia que ela trás pra mim
Basta tá junto que ela toca mais que um conjunto
E essa parada soa bem aos meus sentidos
Pensamentos perdidos encontrados em LINHAS outrora vazias
Rimas carregadas de alegrias
Poesias feitas por um vadio RAPAZ
Que de vários corações escolheu apenas UM que me trouxe paz
Sorriso,abrigo e eu que vivia de PONTES
ELA me fez pegar o caminho mais LONGE colhendo o SENTIMENTO direto da FONTE
Minha MINA é tão REAL que até parece que não existe
Se pelo menos eu tivesse oito horas de sono eu diria que ela um SONHO bom na FUNÇÃO repeat
Mas não!
Ela tá aqui,AAAAAAAAAAAAH fia,chega a ser covardia
Minha MINA é tão assim que mesmo sózin no canto do quartin ela tá JUNTO nas idéias BOAS
Coração LIGADO na vibe
Eu sei que é ELA
Cada LEMBRANÇA um FRASE
Pique samba de RAÍZ na roda,ESSA mina nasceu pra me deixar FELIZ e expressar tudo no bloco de NOTA!


ONELOVE!

domingo, 30 de janeiro de 2011

Tudo certo por linhas tortas



Olá muchachos!
Destino: diz respeito a ordem natural estabelecida do universo. Geralmente é concebido como uma sucessão inevitável de acontecimentos provocados ou desconhecidos. O destino é muito usado para tentar explicar o absurdo dos acontecimentos existenciais (na acepção, absurdo deve ser traduzido como algo não-explicável no âmbito do conhecimento homo sapiens utilizando-se do método científico), assim também, como a responsabilidade dada as divindades para tais acontecimentos.”

“Deus escreve certo por linhas tortas”, creio que esse seja um dos ditados que mais ouvimos (e dizemos) por ai.
Lembrei desse ditado depois de pensar um pouco sobre destino, do meu ponto de vista, esse ditado é só uma forma diferente de dizer que destino existe. Eu acredito em destino, e você?

Sabe, creio que todos nós já viemos destinados a fazer certas coisas, a conhecer certas pessoas, e a viver certos momentos. Nada é por acaso. Tudo que acontece gera uma consequência na sua vida; Mesmo as coisas mais simples, mesmo as pequenas frases soltas.
Mas creio que o destino possa ser mudado. Essas são as linhas tortas de Deus, as mudanças que podem ir acontecendo no meio do caminho podem alterar o seu destino de alguma maneira.
Você não sofre a toa, você sofre pra se tornar mais forte, e não sofrer com coisas parecidas que virão no futuro. As coisas vão acontecendo e te transformando, te preparando pro destino.

Se você tiver que seguir determinada profissão na vida, não adianta fugir. Você pode tentar outras, gostar de outras, mas talvez não consiga ser feliz.
Quando o seu coração tem que ser de alguém, ele será. Você vai viver outros amores, vai se apaixonar, vai sofrer, como em todos os casos de amor. Mas o seu coração vai sempre pertencer à pessoa certa.
Talvez você espere muito tempo por esse dono do seu coração, talvez, ele espere muito por você, mas um dia as coisas serão como elas devem ser.

Vai dizer que nunca encontrou alguém que pensou que nunca mais fosse ver na vida? Acha que foi acaso?
Seus melhores amigos não estão na sua vida por acaso. Talvez cada um deles tenham aparecido pra te ensinar alguma coisa, ou pra viver algum momento que só pudesse ser vivido ao seu lado.
Você não está lendo isso por acaso, talvez o que eu escrevo possa servir pra algo na sua vida, e talvez seja destino você estar na minha vida.
Bem, não quero dizer que tudo o que devemos fazer é ir vivendo e esperando o destino bater na sua porta trazendo tudo o que é seu, e dizendo o que você tem que fazer. Apenas quero dizer que nós construímos o nosso destino. Coisas inexplicáveis acontecem, e de repente a sua vida muda de direção, vai pro lugar contrário ao que você estava indo, e você tem que ir seguindo, construindo a vida, e tentando entender as coisas que não parecem muito lógicas. Mas lembre-se: essas são as linhas tortas, a escrita sempre vai estar certa, “o destino é uma ponte que você constrói até a pessoa amada”, e sempre existe a hora certa pro destino acontecer.

Xero... da Cereja que assistiu o filme “Ironias do amor”, e acredita em destino.

Enquanto passa pelas linhas tortas, algo que te faça acreditar nas linhas certas: Vem andar comigo (Jota Quest) e Destino (Nx Zero).