quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Inspirações (as minhas, sorry)


Então. Fiquei com uma super vontade de dizer o que eu gosto, amo, o que me estimula. Sei que isso não é um conceito, desculpem-me, mas sério. Não vou "zuar" o espaço que tenho aqui nesse blog, lógico. Por sinal, e eu realmente penso nisso sobre muita coisa, é que esse post possa adicionar algum conhecimento de inspiração pra alguém, ou algo semelhante...
No final as coisas se misturam, mas eu amo musicais. Menos High School Musical, de resto, quanto mais melhor! (Sweeney Todd, A Noviça rebelde, Moulin Rouge, Hairspray, O Mágico de Oz...). Sempre dei preferência pra filmes de drama de diretores e roteiros dignos ( Lars von Trier, com Dogville, o melhor filme da minha vida). Mas eu também curto pra caralho um sangue escorrendo, por mais trash que seja... tipo Jogos Mortais, ou Martyr. Até hoje o único filme que me deu nojinho foi A Centopéia Humana. Mas de resto, tudo ok! Então aqui minhas inspirações são: Drama, Horror, Romance, Musical.


Musicalmente eu me apeguei a muita coisa. Ouço muito MPB, experimental, alternativo, funk, Electro, eletrônica e mesmo pop. Ultimamente tenho ouvido muito (pagando a língua do passado) My Chemical Romance. Sim, aquela banda "emo". Essa figura do lado é meio que o tema do ultimo cds dele, que segue um conceito: Heróis em 2019 contra um malvadão que monopolizou tudo. Por sinal, amo cds que seguem conceitos. Rock progressivo faz muito isso. E o MCR no ultimo cd deles também era temático (Um cara com câncer esperando a morte) [por sinal, ótimo cd. Mas eles nem são meus prediletos master, eu amo a Adriana Calcanhotto, o Marilyn Manson, a Bjork e a Miss kittin. E a melhor banda ever: Stereo Total.
Minha obsessão por arte pós-moderna e temas contemporâneos. Podridão, tédio, tornar tudo obsoleto, desvalorização de religiões e crenças em geral, dissolução das relações humanas, dependências, hábitos estranhos, reificação, minimizações e afins. Isso me dá COCEIRAS. Dá muita vontade de dedicar à arte por toda vida. Sério. Só de ver que a Louis Vuitton contratou o Takashy Murakami pra fazer as estampas de uma coleção há um tempo atrás eu FRITO! Ou então as coisas que o Banksy faz na rua, ou mesmo que um monte de artistas pós-modernos põe a exposição por todo o mundo aí...
É um bocado fútil, talvez. E um bocado de pilantragem dizendo que é arte... Isso é certeza. Mesmo assim adoro MUITO.




E outros 2 itens de extrema importância: A feminilidade, principalmente a figura da mulher mesmo, e livros. Preferencialmente os regionalistas, quando daqui do Brasil, ou os de temáticas absurdas, quando de fora. A figura do lado é a "protagonista" do livro "Monstros Invisíveis" do Chuck Palahniuk (ele discute muito bem, do modo dele, esse lance do feminino) e esse livro é minha bíblia. Meus Livros prediletos são Grande sertão Veredas, do Guimarães Rosa, e Assombro, do Palahniuk.
1984, laranja mecânica, admirável mundo novo, O quinze, In The pool, Alice, Kafka, Englander, Proulx... Livros e autores de todo jeito... Amo muito e isso toca minha vida, como a música.




Mas então... Eu penso seriamente em escrever livros SÉRIOS. Uns com temáticas ficcionais, outros não... Com isso que vocês viram aqui... O que vocês acham que sairia?


Eu: Canceriano, dramático, 20 anos, barulhento, antipático, sincero, inadequado, comilão, pseudocult, tentando ler atualmente "em busca do tempo perdido", ouvindo muito My Chemical Romance, Bjor e Scissor sisters...

4 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. dEVO dEVO dEVO

    Apóio incondicionalmente sua atitude de mostrar (parafraseando The Strokes) "suas primeiras impressões da Terra". Que se concretize suas investidas pelo mundo da literatura!

    ResponderExcluir
  3. Se eu paro como uma criança pra escutar tudo que ele tem a dizer, imagine o que eu não faria pra ler um livro escrito por ele. Queremos um livro do @omtouche no Sebinho! -qq

    E com tantas referências, e tão diversas e distintas, ficou mais fácil e complicado te entender.

    ResponderExcluir
  4. Adooro My Chemical Romance! E tenho algo a dizer: admiro de verdade todo seu conhecimento, e a maneira cmo você o expressa. Eu quero ler esse livro; ta mais do que apoiado pra escrever.

    ResponderExcluir